Pular para o conteúdo principal

O Sermão da Montanha: A Caridade

Boa Noite, galera!
Ainda bastante ocupada com as coisas do blog: Salvando imagens para o Facebook, testando novas capas para o cabeçalho, analisando o Twitter...
Enfim, eu creio que, a partir de mês que vem, o blog vai ficar bastante movimentado (;
Eu já estou avisando antes para vocês se prepararem: assim que der meia-noite, eu vou anunciar os links aqui no blog, então preparem seus dedinhos para seguirem e curtirem as novas páginas, OK?
Então, vamos logo começar com o capítulo 6 de Mateus :D
"Tenham o cuidado de não praticarem os seus deveres religiosos em público a fim de serem vistos pelos outros. Se vocês agirem assim, não receberão nenhuma recompensa do Pai de vocês, que está no céu. Quando você der alguma coisa a uma pessoa necessitada, não fique contando o que fez, como os hipócritas fazem nas sinagogas e nas ruas. Eles fazem isso para serem elogiados pelos outros. Eu afirmo a vocês que isso é verdade: eles já receberam a sua recompensa. Mas você, quando ajudar uma pessoa necessitada, faça isso de tal modo que nem mesmo o seu amigo mais íntimo fique sabendo do que você fez. Isso deve ficar em segredo; e o seu Pai, que vê o que você faz em segredo, lhe dará a recompensa."
Acho que, antes de começar para valer, é bom dizer que a partir desses versículos, até o versículo 6 do capítulo 7, Jesus passa a comparar o comportamento que Ele julga o certo com o comportamento dos fariseus. Então vamos prestar atenção para que nós não venhamos nos comportar como agrada os homens ou os nossos líderes, mas sim do jeito que agrade a Deus (;

Aqui nós estamos falando sobre os atos de caridade ao próximo. E antes de falar sobre o cuidado de não fazer o bem só para adquirir uma boa reputação, vamos falar sobre a importância de se fazer os atos de caridade, OK?
"Para Deus, o Pai, a religião pura e verdadeira é esta: ajudar os órfãos e as viúvas em suas aflições e não se manchar com as coisas más deste mundo."
Tiago 1.27

Essa é a essência do Evangelho: Amar a Deus sobre todas as coisas - o que diz a segunda parte do versículo - e amar ao próximo como a ti mesmo - que é no que estamos focando desde o post sobre a vingança, aquele de quinta feira passada :D

Nós sabemos muito bem que Deus é onipotente e se Ele quiser pode mandar os seus anjos ajudarem a todos aqueles que estão necessitados. Mas Ele prefere trabalhar através do corpo de Cristo, e é aí que a gente entra. Somos nós que temos o dever de ajudar aqueles que necessitam, de dar comida aos famintos, água aos sedentos e auxílio aos enfermos. Nós, como cristãos, temos o dever de prestar assistência aos órfãos - sem o amor do Pai - e às viúvas - sem o amparo do Noivo.
E para aqueles que praticam isso, Ele diz:
"Então o Rei dirá aos que estiverem à sua direita: 'Venham, vocês que são abençoados pelo meu Pai! Venham e recebam o Reino que o meu Pai preparou para vocês desde a criação do mundo. Pois eu estava com fome, e vocês me deram comida; estava com sede, e me deram água. Eu era estrangeiro, e me receberam em sua casa. Estava sem roupa, e me vestiram; estava doente, e cuidaram de mim. Estava na cadeia, e foram me visitar.' Então os bons perguntarão: 'Senhor, quando foi que o vimos com fome e lhe demos comida ou com sede e lhe demos água? Quando foi que vimos o senhor como estrangeiro e o recebemos na nossa casa ou sem roupa e o vestimos? Quando foi que vimos o senhor doente ou na cadeia e fomos visitá´lo?' Aí o Rei responderá: 'Eu afirmo a vocês que isso é verdade: quando vocês fizeram isso ao mais humilde dos meus irmãos, foi a mim que fizeram.'."
Mateus 25.34-40

Agora sim, vamos partir ao tema principal (:
Além de nos ordenar a prática da caridade, Jesus nos disse que não devemos fazer nada com a intenção de receber elogios, ou de construir uma boa reputação. Porque se fosse por isso, a nossa caridade seria feita sem o seu verdadeiro sentido, que é buscar primeiramente o interesse do seu próximo, e não o seu próprio interesse. Jesus nos disse que nem o nosso amigo mais próximo deve saber das nossas boas ações. Se nós fazemos boas ações somente para posar de bom menino, nós estamos demonstrando egoísmo, e não amor.
Nós temos que amar aqueles que padecem do mesmo jeito que Deus os ama. Temos que tomar o sofrimento delas, sentir o que elas sentem. Nós simplesmente temos que ter o amor que só Deus pode nos oferecer.

E que a partir de hoje possamos pedir para que o nosso Pai nos ensine a amar do mesmo jeito que Ele ama a todos nós. Mais ou menos assim:
"Quem ama é paciente e bondoso. Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso. Quem ama não é grosseiro nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas. Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo. Quem ama nunca desiste, porém suporta tudo com fé, esperança e paciência. O amor é eterno."
1Coríntios 13.4-8a

Vamos colocar o amor em mode on, amém?
É isso aí, pessoal (:
E amanhã vamos falar sobre dois temas importantíssimos: Oração e jejum!
Mais uma vez, obrigada a todos vocês que oram pelo Adolescente Cristã, que seguem o blog, que leem fielmente cada post, que possamos continuar assim, unidos, para que o amor de Deus possa se espalhar pelos quatro cantos da Terra, amém?

Fiquem na paz, lindos e abençoados! :-*

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Elias Escassos - Cavando a Valeta

Nome esquisito esse do título né? Mas é isso mesmo u.u
Paz do Senhor, boa tarde gente! Tudo bom com vocês?
I'm happy :) :) :) #kessi
Hoje eu tenho mais do que pouquíssimo tempo para escrever, e talvez o post fique até pequeno, então, vamos ao post! (Nossa, quanto tempo que eu fiquei sem dizer isso, que emoção)
"...depois fez um rego em redor do altar, segundo a largura de duas medidas de semente. [...] de maneira que a água corria ao redor do altar, e ainda até o rego encheu de água."1 Reis 18:32,35
E mais analogia, mais comparação... Novamente Elias, o profeta do Senhor, com mais 850 profetas profanos no monte Carmelo, o povo reunido querendo saber se realmente ia cair fogo do céu, o altar já reconstruído, e então Elias decide começar a cavar um rego em volta do altar. Muito normal... E o que seria esse tal de rego?
Os dicionários dizem: "Pequena vala que se abre na terra para escoamento de águas". É simples, quando o agricultor vai plantar alguma coisa, ele não sai jo…

As Filhas de Zelofeade

Paz do Senhor e boa tarde! Tudo bom?
Eu me enganei, estou com internet sim HEHEHE (por enquanto...)
Nem tive aula de inglês ontem! Mas Jesus tem seus propósitos não é mesmo?
Bom, o post de hoje surgiu em uma das minhas explorações à Bíblia (mais precisamente, a Bíblia do meu pai), e os versículos estavam
AH, QUASE QUE ESQUEÇO, MEU PAI FEZ ANIVERSÁRIO DOMINGO ♥♥
Mas como eu dizia, eu nunca tinha prestado atenção nessa história, até porque são poucos os versículos dedicados a elas, mas chega de conversa, vamos ao post, certo?
E que Deus nos ensine mais um pouco hoje :)"E chegaram as filhas de Zelofeade, filho de Héfer, filho de Gileade, filho de Maquir, filho de Manassés, entre as famílias de Manassés, filho de José (e estes são os nomes de suas filhas: Macla, Noa, Hogla, Milca e Tirza); e puseram-se diante de Moisés, e diante de Eleazar, o sacerdote, e diante dos príncipes e de toda a congregação, à porta da tenda da congregação, dizendo: Nosso pai morreu no deserto e não estava…

O Fruto do Espírito: A Temperança

"Mas o Fruto do Espírito é: caridade, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei." Gálatas 5.22,23 
(Internet voltou ao normal, então...) BOM DIA PESSOAS! Minha pessoa está muito feliz, porque DEUS É MUITO PERFEITO! HAHA, essa semana é uma semana boa, até porque meu amigo Eryk fez aniversário e ficou doidão quando eu dei meu presente pra ele, #LOL! Enfim, comecemos a falar sobre a temperança (: (P.S. Nossa, chegamos rápido ao final '-')
O que é temperança? Você pode ver vários versículos na Bíblia, pesquisar o significado no dicionário, ou até mesmo ver o significado na sua Bíblia de Estudo; se você fizer isso, vai concordar plenamente com o que eu vou dizer. Temperança significa moderação, auto-controle, domínio próprio, equilíbrio e (as melhores) sobriedade e prudência.
Assim já fica bem mais fácil saber o que Paulo queria nos dizer quando mencionou a temperança no Fruto do Espírito. "Mas vocês, irm…